Saúde amplia oferta de exames complementares para pacientes oncológicos

postado em: Notícias, Slide | 10

Ao lado do governador Belivaldo Chagas, o secretário de Estado da Saúde, Valberto de Oliveira Lima, assinou contrato com a clínica Clinradi para ampliar a oferta de exames complementares no diagnóstico do câncer. Serão mais mil tomografias computadorizadas ao mês, 400 ressonâncias magnéticas e 100 de pet scan, que se somam às ofertas já existentes na Rede Estadual de Saúde. O objetivo do novo contrato é o de reduzir e, quem sabe, eliminar a fila de pacientes que aguardam pelos exames.

As vagas serão reguladas pelo Sigau, o Sistema Interfederativo de Garantia de Acesso Universal, que regula a saúde em Sergipe para garantir uma ocupação com transparência e igualdade, como informou o secretário, salientando a importância do novo contrato. “Esta ação vai possibilitar uma redução significativa na fila dos pacientes que esperam pelo atendimento. O convênio sai de pouco mais de R$ 580mil para mais de R$ 1.300mil. É um grande esforço que o governo do Estado está fazendo para não deixar os pacientes esperarem tanto tempo na fila”, disse.

O governador Belivaldo Chagas foi enfático ao afirmar que o governo trabalha no campo da saúde para salvar vidas. “Esta parceria com a Cliradi é extremamente importante para a sociedade, porque nosso objetivo é garantir a todos os sergipanos o acesso à saúde, com qualidade e dignidade, salvando vidas, reduzindo sofrimentos”, falou Belivaldo Chagas, para quem o momento foi ímpar, de grande satisfação.

A oferta dos serviços é imediata, o que significa dizer que o Sigau já pode regular pacientes que necessitem dos exames para a clínica contratada. “Isso representa um grande avanço, tendo em vista que no passado, as vezes, os exames foram contratados de forma emergencial. Agora, o Estado fez um estudo profundo e detectou a necessidade de uma parceria com a iniciativa privada para garantir a ampliação da assistência aos pacientes oncológicos”, reforçou o diretor-presidente da Clinradi, Nivaldo Vieira, informando que o contrato tem vigência de um ano, podendo ser prorrogado por mais quatro.

Meses de espera

Ao firmar parceria com a Clinradi o governador Belivaldo Chagas quer por um fim na longa espera de pacientes pelos exames complementares que auxiliam no diagnóstico do câncer e permite o acompanhamento do tratamento oncológico. A iniciativa ganha o aplauso de quem tem ou teve um câncer, como Cirlene Vieira Santos. As 34 anos, celebra a vida depois de passar quase dois anos tratando um tumor de mama.

Ela estava na Clinradi na manhã desta quarta-feira quando o governador Belivaldo Chagas chegou para a assinatura do contrato e contou para a reportagem da Secretaria de Saúde a sua história. “Há quase dois anos descobri que tinha câncer de mama. Fui encaminhada à Oncologia do Huse, onde passei pelo tratamento de quimioterapia e, em seguida pela cirurgia de retirada e reconstrução com prótese da mama realizada no Hospital Universitário. Passei sete meses esperando pelas sessões de radioterapia e isso é muito tempo para quem tem uma doença como o câncer”, disse.

Nesta quarta-feira ela comemorou o fim das 25 sessões de radioterapia realizadas na Clinradi e, a sua cura. “É um renascimento, uma felicidade que a gente não pode explicar em palavras”, desabafou a usuária do Sistema Único de Saúde (SUS).