Pediatra fala da importância de exercício físico para a saúde e desenvolvimento da criança

postado em: Destaque 2, Notícias | 0

Brincar é uma atividade que deve fazer parte da rotina de uma criança. Há alguns anos, era comum assistir a crianças brincando nas ruas, jogando bola, andando de bicicleta ou de esconde-esconde. Atualmente, essa regra mudou, já preocupa os pais e médicos pediatras que diariamente recebem em seus consultórios crianças e adolescentes acima do peso, como explica a coordenadora da unidade pediátrica do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), a pediatra Cristiane Barreto.

“É necessário evitar a obesidade. Para isso, é importante que os pais incentivem as crianças à prática esportiva ou evite que elas fiquem em frente à televisão, computador e celular por muito tempo. Muitas crianças já comem errado porque ficam paradas lanchando o tempo inteiro e não se exercitam. Os esportes como natação, karatê, brincar, correr, jogar bola, são atividades que fazem bem à saúde e ao desenvolvimento saudável da criança”, explicou a coordenadora.

O objetivo é tirar os pequenos do sedentarismo e desenvolver neles coordenação motora, ritmo e equilíbrio. A pediatra afirma que entre os benefícios estão os desenvolvimentos físico, social, cognitivo e emocional. “É fundamental que os pais fiquem atentos a atividades com muita carga ou velocidade porque o corpo está em desenvolvimento e as articulações em formação e uma lesão pode gerar deformidades”, completou a pediatra.

A recepcionista Marisa Guedes, 37, concorda que a atividade física é muito importante para a saúde da criança. Ela tem um filho de 7 anos e que gosta muito de videogame e celular, mas, no colégio ela aposta em atividades que resultam em bem-estar para o pequeno.

“Ele faz karatê e educação física. Como ele estuda os dois turnos, quando chega em casa eu o deixo brincando na televisão ou nos jogos eletrônicos, mas durante os finais de semana ele desce para brincar com os amiguinhos do condomínio, já na quadra e na piscina, ele só vai se eu estiver presente observando. É bom mesclar essas atividades para ele aproveitar e desenvolver seu bem-estar. Além disso, é importante apostar em uma alimentação com muita fruta e verdura, lanches e pizzas só no final de semana”, disse a recepcionista.

Foto: Flávia Pacheco ASCOM SES