Estudantes de Odontologia da UFS participam de encerramento do estágio em parceria com a Funesa

postado em: Destaque 3, Notícias | 12

Por Kitéria Cordeiro

O Núcleo de Coordenação de Pós-Graduação, Educação Permanente e Pesquisas Cientificas da Fundação Estadual de Saúde (Funesa) realizou nesta quarta-feira, 30, o encerramento de mais uma etapa do estágio curricular com cerca de 30 estudantes do curso de Odontologia da Universidade Federal de Sergipe (UFS), em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES). Essa foi a sexta turma de estudantes que participaram do Seminário do Estágio Curricular Obrigatório do Curso de Odontologia. O encerramento foi promovido pela Referência Técnica da Coordenação de Pós-Graduação Tânia Santos e pela professora Alaíde Hermínio de Aguiar, coordenadora de estágio de Odontologia da UFS.

A professora Alaíde Hermínio falou sobre os avanços da área técnica em Odontologia da SES, destacou o avanço do Estágio Curricular no curso de Odontologia – anteriormente, a UFS não oferecia essa parte prática do curso. “Hoje, os estudantes podem contar com essa oportunidade de estágio para aprimorar seus conhecimentos. O resultado irá pautar a política estadual de saúde bucal dentro da realidade de cada região. É um ganho para o estado aproveitar e fazer esse estágio nos Centro de Especialidades Odontológicas de Sergipe (CEOs) em várias regiões do estado”, destacou a gestora.

O estágio curricular é uma das ações do CEOs, que são coordenados pela odontóloga Ana Márcia Menezes.

“Todos os municípios sergipanos já contam com uma Unidade de Saúde Bucal na Atenção Básica. Essa cobertura é o diferencial no país. Os estados que contam com a Atenção em Saúde Bucal são apenas Sergipe, Fortaleza, Pernambuco e Pará. Em Sergipe já existe 408 equipes de Saúde Bucal implantadas, para atender os 75 municípios. A Política Nacional de Saúde Bucal é o programa do Governo Federal que tem mudado a Atenção da Saúde Bucal no país, de modo a garantir ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal da população brasileira. O Brasil Sorridente reúne uma série de ações para ampliação do acesso ao tratamento odontológico gratuito, por meio do SUS”, afirmou.

A professora Alaíde, que atua na área de estágios na instituição há 25 anos, falou sobre a organização do CEO. “Essa experiência é exitosa. Já estamos na sexta turma de estudantes e pretendemos atualizar outras turmas no próximo período”, disse Alaíde. Durante o encontro, no segundo momento, foi exibido um filme no qual mostrou a história de um garoto de apenas 10 anos, estudante de uma escola pública, que tinha um sonho de se tornar um herói. O tema gerou debate entre os estudantes e coordenadores do encontro.

O diretor-geral da Funesa, Adriel Alcântara, destacou a importância do estágio nos Centro de Especialidades Odontológicas e a satisfação em fazer uma parceria com a UFS. Ele mostrou a grande dimensão que os estudantes têm em poder fazer parte dos serviços do SUS, além do estágio nos CEOs. A Funesa realiza parceria com outros órgãos e entidades educacionais na área de saúde e educação.

Para o concludente do curso de Odontologia Thiago Rodrigues, o Estágio Curricular “ampliou muito seus conhecimentos e abriu portas. As aulas práticas fizeram uma grande diferença ao longo do ano. Pela manhã ele realizava as pesquisas no Hospital Universitário e à tarde ele atuava no CEO do município de São Cristóvão”.