Carnaval movimentado no SAMU 192 Sergipe com aproximadamente 2500 aberturas de chamada

postado em: Destaque 2, Notícias | 0

Por Júnior Matos

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU 192 Sergipe) registrou 2551 aberturas de chamada no período do Carnaval (entre os dias 6 a 10 de fevereiro). Destes, 864 necessitaram de envio de viatura para atendimento e outros 296 foram concluídos com orientações médicas.

Dentre as ocorrências registradas, os casos clínicos adultos corresponderam a 387 atendimentos. Ainda durante o período, os traumas representaram 384 aberturas de chamadas para o Samu 192 Sergipe.

“Os acidentes de trânsito e os traumas representaram a maior parte dos atendimentos registrados no período, correspondendo a 67% a causas externas. Esse fato gera grande preocupação”, explica a coordenadora médica do SAMU 192 Sergipe, Roberta Barreto.

Trotes

Apesar das inúmeras ações educativas realizadas para combater a pratica dos trotes e da redução ocorrida nos últimos meses, o Samu registrou 683 trotes no período carnavalesco.

“Ainda não é uma redução suficiente. Entretanto, os sergipanos estão compreendendo melhor a importância do Samu para sociedade e tem colaborado para redução dos índices de trotes”, destaca o coordenador do Núcleo de Educação Permanente (NEP/SAMU), Ronei Barbosa.

“Não podemos esquecer que, ao receber uma ligação falsa, as equipes do Samu deixam de conduzir um caso configurado grave, referente a um paciente que pode até mesmo ser um familiar de quem pratica o trote. Os usuários precisam fazer bom uso do Serviço, seja compreendendo a sua real atribuição na sociedade, seja evitando trotes, ação essa considerada crime, uma vez que destinado à um serviço de utilidade pública, como é o caso do serviço de urgência”, complementa Ronei Barbosa.

Plano de Contingência

Para o período de Carnaval, o Samu Sergipe elaborou, junto com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), Fundação Hospitalar de Saúde (FHS), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros Militares de Sergipe (CBMSE) E Polícia Militar de Sergipe (PMSE) o “Plano de Contingência para Emergência em Saúde Pública: OPERAÇÃO CARNAVAL 2016”.

A ação conjunta entre as instituições visou o melhor atendimento as situações de Incidentes com Múltiplas Vítimas, surtos epidêmicos além de desastres naturais.