Adesão ao Programa Saúde nas Escolas é discutida na Secretaria de Estado da Saúde

postado em: Notícias | 39

 

Representantes de diretorias regionais da Educação estiveram reunidos no auditório da Secretaria de Estado da Saúde (SES) na manhã desta quarta-feira, 31, para sensibilização quanto à adesão ao Programa Saúde nas Escolas (PSE), do Governo Federal.

 

Os representantes presentes, que já são coordenadores municipais do PSE, receberam orientação para o desenvolvimento das ações de promoção e prevenção junto aos técnicos das escolas, professores e estudantes, de forma a observar as necessidades prioritárias do território.

 

Cada coordenação local do PSE, uma em cada município, é composta por um técnico da Educação e outro da Saúde. Para garantir o pleno funcionamento das atividades, a coordenação estadual do PSE representada pelas equipes de Atenção Básica da SES realiza monitoramentos, participa das reuniões dos grupos técnicos e oferece apoio quando necessário.

 

Segundo a coordenadora de Atenção Básica da SES, Áurea Torres, ao aderir ao PSE, o município em questão deverá especificar quais escolas e quantos estudantes estão inseridos no Programa. Além disso, deverão apontar as Equipes de Saúde da Família que estão vinculadas para o desenvolvimento de ações.

 

“Na última adesão, o estado conseguiu mobilizar 73 dos 75 municípios para o PSE. Esperamos alcançar índices ainda melhores nesse novo processo de adesão e assim beneficiar mais meninos e meninas com idade entre sete e 11 anos”, acrescentou  a coordenadora de Atenção Básica da SES.

 

O coordenador Estadual do PSE na Secretaria de Estado da Educação (SEED), Francisco Freitas, assegura que o Programa desenvolve a sensibilização, a percepção e a melhoria da qualidade do ensino através da parceria mantida entre as áreas da saúde e educação. “Através do PSE as comunidades são beneficiadas com programas de saúde em oftalmologia, odontologia, nutrição, com oficinas e seminários que abordam temas, como gravidez na adolescência, sexualidade, combate ao mosquito Aedes aegypti, prevenção à violência e alimentação saudável”, ressaltou.

 

PSE

O Programa Saúde na Escola é um programa interministerial, dos Ministérios da Saúde e da Educação, e constitui estratégia para a integração e a articulação permanente entre as políticas e ações de educação e de saúde, com a participação da comunidade escolar, envolvendo as equipes de atenção básica, equipes de saúde da família e da educação básica pública.

 

A adesão ao programa acontece nacionalmente até 14 de junho e pode ser feita na página eletrônica do departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde: www.dab.saude.gov.br.