Neonatologista alerta para cuidados com a prematuridade no Novembro Roxo

postado em: Notícias, Slide | 0

O parto é sempre um momento de muita expectativa para a família, principalmente para os pais. Quando ele acontece antes da hora, a ansiedade é ainda maior. Novembro Roxo é o mês Internacional da Prematuridade, período que marca a importância da conscientização e luta para prevenir o parto antes da hora. Na Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL), unidade gerenciada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), há uma atenção especial aos bebês prematuros, que podem nascer em situação de risco.

O neonatlogista da MNSL, Alex Santana, alerta para os principais  cuidados que devem ser tomados com o bebê prematuro. De acordo com ele, nascer antes das 37 semanas de gestação acarreta uma situação em que ele precisará de mais cuidados para que seu organismo termine de amadurecer fora do útero. “O baixo peso, fatores como pressão arterial, batimentos cardíacos, respiração e temperatura podem levar a índices de morbimortalidade elevados se não for realizado um atendimento adequado”, alertou Alex.

Ele certificou que o Método Canguru é imprescindível para oferecer uma mudança de paradigma nos cuidados com o recém-nascido, priorizando a atenção qualificada e humanizada ao bebê, aos pais e à família.”O método reúne estratégias de intervenção biopsicossocial com uma ambiência que favorece o crescimento e desenvolvimento do recém-nascido, além de promover a participação dos pais e familiares nos cuidados neonatais”, disse o médico. Ele enfatizou que faz parte do Método o contato pele a pele, que começa de forma precoce e crescente desde o toque, evoluindo até a posição canguru.

Vínculo de amor

O neonatoligista, Alex Santana, disse que as vantagens do Método Canguru são inúmeras: reduz o tempo de separação mãe/ pai/ filho, promove o vínculo, permite uma maior competência e confiança dos pais no cuidado com o filho, estimula o aleitamento materno, possibilita maior controle térmico, reduz o número de infecções e da dor, melhora a qualidade do desenvolvimento neuropsicomotor e favorece uma maior estimulação sensorial. O especialista  relatou que a  Maternidade Nossa Senhora de Lourdes oferece o Método Canguru em todos os seus estágios, bem estabelecidos e implementados.

“Essa forma de assistência é realizada em três etapas: a primeira  tem  início no pré-natal da gestação e necessita cuidados especializados durante o parto/nascimento, seguindo da internação do recém-nascido na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e/ou na Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal Convencional.Com relação à segunda etapa, essa é realizada na Unidade de Cuidados Intermediários Canguru, garantindo todos os processos de cuidado já iniciados da primeira etapa com especial atenção ao aleitamento materno”, explica Alex.

Já na terceira etapa, Alex observou que o recém-nascido receberá alta hospitalar e será acompanhado de forma compartilhada pela equipe do hospital e da atenção básica. Ele ressaltou ainda que o corpo clínico da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes está engajado na promoção da saúde permitindo uma melhor qualidade de vida para as crianças.

Foto: Flávia Pacheco ASCOM SES

Atualizado: