SES vai reunir municípios para preparar campanha de vacinação contra Influenza

postado em: Notícias, Slide | 0

O Programa Estadual de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde (SES) realiza na próxima terça-feira, 19, uma reunião preparatória com os coordenadores municipais de imunização para a Campanha de Vacinação contra a Influenza, que irá acontecer de 15 de abril e 31 de maio em todo o Estado de Sergipe, seguindo o calendário nacional de vacinação, que marcou o quatro de maio como dia de mobilização. A reunião irá acontecer no auditório da Fundação Estadual de Saúde (Funesa).

“Vamos reunir os municípios para passar as orientações do Ministério da Saúde sobre a campanha e discutir as formas de mobilização da população prioritária para que a gente alcance um bom resultado vacinal”, disse a gerente do programa, Sândala Teles, informando que a vacina é destinada a pessoas com 60anos ou mais, crianças com idade entre seis meses a menos de seis anos, gestantes e puérperas, trabalhadores da saúde, professores, povos indígenas, adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos em cumprimento de medidas sócio-educativas, doentes crônicos e internos e funcionários do sistema prisional.

Sândala Teles chama a atenção para as pessoas que se encontram nestes grupos prioritários para a importância da vacinação como prevenção à Influenza, salientando que, se não for tratada a tempo, a gripe pode causar complicações graves e levar à morte, principalmente as pessoas com mais de 60 anos, crianças menores de cinco anos, gestantes e doentes crônicos.

Como prevenir a gripe

O Ministério da Saúde aponta algumas medidas que podem ser adotadas pela população com vistas a reduzir o risco de adquirir ou transmitir doenças respiratórias, particularmente as de grande infectividade, como o vírus Influenza.

Entre elas estão frequente higienização das mãos, principalmente antes do consumo de  algum alimento; utilizar lenço descartável para higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; higienizar as mãos após tossir ou espirrar; não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas; manter os ambientes bem ventilados;  evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de influenza; adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos, entre outros.

Atualizado: